quarta-feira, 18 de junho de 2014

SESSÃO SAUDADE - MARLENE

Há rivalidades que são épicas: Rio de Janeiro e São Paulo, Corinthians e Palmeiras e outras. No mundo artístico, uma “rivalidade” marcante envolveu duas cantoras da época de ouro do rádio: Emilinha Borba e Marlene.
Dias atrás, perdemos a última. Por isso, a homenagem de hoje é para Marlene.
O que dizer dela? O melhor é lembrar que foi cantora numa época em que os cantores realmente cantavam e teve sucesso merecido, interpretando, de forma magistral, muitas canções de nossa MPB, indo do samba ao baião e desse à bossa nova, o que comprova sua versatilidade como cantora.
É mais uma estrela do passado que se apaga na terra e acende no céu de nossa saudade.
Para saber mais sobre essa artista, favor acessar: http://www.dicionariompb.com.br/marlene/biografia.
Obrigado, Marlene, por dar vida a tantas canções que emocionaram gerações!
Descanse em paz!
Com o objetivo de homenageá-la, reproduzimos abaixo dois vídeos em que interpreta dois de seus sucessos: o baião Que Nem Jiló, em companhia do conjunto Os Cariocas, e o samba Lata d’Água na Cabeça.

PRIMEIRO VÍDEO

video


LETRA

QUE NEM JILÓ

Se a gente lembra só por lembrar
O amor que a gente um dia a gente perdeu
Saudade inté que assim é bom
Pro cabra se convencer
que é feliz sem saber
Pois não sofreu
Porém se a gente vive a sonhar
Com alguém que se deseja rever
Saudade intonce aí é ruim
Eu tiro isso por mim
Que vivo doido a sofrer
Ai quem me dera voltar
Pros braços do meu xodó
Saudade assim faz roer
E amarga que nem jiló
Mas ninguém pode dizer
Que me viu triste a chorar
Saudade, o meu remédio é cantar
Saudade, o meu remédio é cantar.


SEGUNDO VÍDEO

video


LETRA

LATA D’ÁGUA NA CABEÇA

Lata d'água na cabeça
Lá vai Maria
Lá vai Maria
Sobe o morro e não se cansa
Pela mão leva a criança
Lá vai Maria

Maria
Lava roupa lá no alto
Lutando
Pelo pão de cada dia
Sonhando
Com a vida do asfalto
Que acaba
Onde o morro principia.

Lata d'água na cabeça...

Fonte: http://www.vagalume.com.br/marlene/lata-dagua.html#ixzz34qbeOwpl

2 comentários:

  1. Gostei de ouvir novamente a bela voz de Marlene. Sempre que se fala em Marlene, lembro de Lata d' Água Cabeça, que fez muito sucesso. Merecida homenagem!

    ResponderExcluir