terça-feira, 23 de agosto de 2016

SESSÃO REMAKE MUSICAL - PIANO IN THE DARK - JEAN KELLEY

A música Piano in the Dark, originalmente interpretada por Brenda Russell, é apresentada no vídeo abaixo por Jean Kelley.
Para ouvir a versão original, favor acessar: http://biscoitocafeenovela.blogspot.com.br/2016/08/sessao-tunel-do-tempo-musical-piano-in.html.
Boa diversão!

video


LETRA

PIANO IN THE DARK

Here I find myself watching the time
I never think about all the funny things you said
I feel like it's dead
Where is it leading me now

I turn around in the still of the room
Knowing this is when I'm gonna make my move
Can't wait any longer
And I'm feeling stronger but oh

Just as I walk through the door
I can feel your emotion
It's pullin' me back
Back to love you

I know I'm caught up in the middle
I cry just a little
When I think of letting go
Oh no, gave up on the riddle
I cry just a little
When he plays piano in the dark

He holds me close like a thief of the heart
He plays a melody
Born to tear me all apart
The silence is broken
And no words are spoken but oh

Just as I walk through the door
I can feel your emotion
It's pullin' me back
Back to love you

I know I'm caught up in the middle
I cry just a little
When I think of letting go
Oh no, gave up on the riddle
I cry just a little
When he plays piano in the dark

TRADUÇÃO

PIANO NO ESCURO

Aqui me deparo contando as horas
Nunca penso nas coisas engraçadas, que você dizia
Eu me sinto como se estivesse morta
Onde isto está me levando agora?

Me viro no silêncio do quarto
Sabendo que é hora de tomar uma decisão
Não posso esperar mais
E estou me sentindo mais forte, oh

Justamente na hora que cruzo aquela porta
Posso sentir sua emoção
Me puxando de volta
De volta para te amar

E eu sei... que estou presa a um impasse
Eu choro um pouco
Quando penso em deixar tudo
Eu desisti da charada
Eu choro um pouco
Quando ele toca o piano na escuridão

Ele me abraça forte... como um ladrão de corações
Ele toca uma melodia
Criada para me deixar sem ação
O silêncio é quebrado
Palavras não são ditas... mas

Justamente na hora que cruzo aquela porta
Posso sentir sua emoção
Me puxando de volta
De volta para te amar

E eu sei... que estou presa a um impasse
Eu choro um pouco
Quando penso em deixar tudo
Eu desisti da charada
Eu choro um pouco
Quando ele toca o piano na escuridão

Um comentário: